Série do Mês: Stranger Things

dezembro 22, 2017

Olá!
O blogue anda, de facto, muito pouco natalício, tirando a TAG que respondi, a wishlist/lista de sugestões de livros e a agenda solidária (que, já agora, são óptimas sugestões caso ainda precisem de ajuda nas compras de Natal), mas, não se preocupem, porque eu ainda vou mostrar algumas coisinhas (incluindo decoração da casa e da baixa do Funchal) nem que seja depois de 25 de Dezembro (mais vale tarde do que nunca). 
Eu disse em posts prévios que este ano não houve filmes nem séries novas até Novembro, por isso, e enquanto não começo a trabalhar (em Janeiro temos novidades) estou a aproveitar, entre outras coisas, para devorar séries, particularmente aquelas que se encontram no Netflix. Ora, eu, o ano passado, já tinha aproveitado este serviço de forma gratuita, mas, por alguma razão (quiçá intervenção divina?) voltei a ter um mês gratuito.
Houve uma série que foi particularmente muito comentada o ano passado. Era "OMG", "Vocês não sabem o que estão a perder", "É incrível!" até um "Vi em 3 dias". Entretanto, a segunda temporada saiu final de Outubro deste ano e os comentários voltaram a repetir-se. Nesta altura estava mesmo na recta final de estudo antes do exame, praticamente só vivia para o Harrison (triste, eu sei) e não podia dar-me ao luxo de prestar muita atenção ao que se passava, mas não deixei de ficar com a pulga atrás da orelha.
Assim, logo que a oportunidade surgiu, sentei-me no sofá e preparei-me para ver aquela que diziam quer era uma das melhores séries dos últimos tempos - Stranger Things.

Fonte
Inspirada nas obras de Steven Spielberg, John Carpenter e Stephen King, esta é uma série de ficção científica/terror criada pelos irmãos Duffer, retratando a época dos anos 80.

"Numa pequena cidade, um acidente peculiar inicia uma corrente de eventos que levam ao desaparecimento de uma criança. Agências governamentais secretas e forças sobrenaturais convergem nesta comunidade, outrora pacífica, enquanto alguns cidadãos começam a perceber que nem tudo é o que parece"


Inicialmente, receei que todo o hype em relação a esta série fosse um exagero e que ela não seria nada de especial. Não sei a vocês, mas eu adoro quando me engano em relação a este tipo de coisas, porque a série é, juro, ES-PE-TA-CU-LAR!

A primeira coisa que tenho a destacar é o desempenho dos actores mais jovens. Estamos a falar de crianças com 13-16 anos atualmente (o que significa que quando começaram a gravar teriam menos 2 anos) que são incrivelmente credíveis na sua representação. Daqui tenho que destacar a Millie Bobby Brown, que interpreta a misteriosa Eleven. Ela diz, no máximo 200 palavras em toda a série, mas são as emoções que ela retrata com a sua postura corporal e expressões faciais que elevam a personagem a um outro nível.

A segunda é a caracterização da época que a série retrata, os anos 80, desde o estilo de roupa e penteados até à música, estilo de filmagem, carros, acessórios, comportamentos, etc. Numa era em que os computadores e telemóveis eram existentes, as crianças recorriam à sua imaginação para brincarem e tinham uma liberdade que hoje em dia as crianças parece que não têm (eles andavam de bicicleta para todo o lado, incluindo para a escola).

A terceira é a história. Eu demorei a entender o que raio se estava a passar, mas a forma como a narrativa está construída faz com que, mesmo que não se perceba, dê vontade de continuar a assistir. Não demorei 3 dias, mas vi as 2 temporadas disponíveis numa semana e meia. E estou ansiosa para que chegue a 3ª temporada. 

Quanto ao género, ela é definitivamente ficção científica (se bem que existem algumas teorias que abordam um dos temas na Física), contudo não é assim tão assustadora, se bem que tem aqueles momentos de sobressalto (nota: fechem as persianas/tapassóis. A minha casa é um íman de gatos e num dos momentos de maior suspense, um achou piada de passar pela janela da minha sala e espreitar para dentro para ver o que se estava a passar... escusado será dizer que apanhei um valente susto). 

E vocês já viram esta série? Que outras recomendam? Deixem nos comentários.
Até à próxima!
xoxo

You Might Also Like

7 comentários

  1. Confesso que até hoje só assisti a uma
    mas essa não conhecia
    Beijinhos
    CantinhoDaSofia /Facebook /Intagram
    Tem post novos todos os dias

    ResponderEliminar
  2. Desde que saiu que ando para ver mas nunca mais começo! Parece que vou ter que começar a ver em 2018.

    Beijinhos,
    Dicolored Winter

    ResponderEliminar
  3. Nunca vi, mas também já li muitos elogios... agora ando a ver a Young Sheldon, sobre a infância do Sheldon Cooper, do Big Bang Theory =p

    ResponderEliminar
  4. gostei muito da primeira temporada mas por alguma razão nunca me apeteceu ver a segunda, talvez seja este fandom excessivo que eu acho um pouco irritante xD
    beijinhos :) https://ratsonthemoon.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  5. Obrigado querida :)

    Já tinha ouvido falar da série mas não conhecia :D

    NEW PERSONAL POST | FROM the BOTTOM of MY HEART this is my CHRISTMAS MESSAGE <3
    InstagramFacebook Official PageMiguel Gouveia / Blog Pieces Of Me :D

    ResponderEliminar
  6. Esta é definitivamente a minha série do ano! Brutal, e a Millie é mesmo uma força da natureza!

    Jiji

    ResponderEliminar

© 2016-2018 Por onde anda a Sofia? All Rights Reserved. Com tecnologia do Blogger.